enfrdeites
luciaeilbaum
DESCONECTADO
0
116

Informações de contato

luciaeilbaum
Lucía Eilbaum
Argentina
Práticas institucionais, processos de administração de conflitos e moralidades
Comitê Gestor
Pós-Doutorado

Professora Adjunta do Departamento de Antropologia e Professora do Programa de Pós-graduação em Antropologia, da Universidade Federal Fluminense. Doutora em Antropologia pelo Programa de Pós-graduação em Antropologia da Universidade Federal Fluminense. Possui graduação em Bacharel Em Ciências Antropológicas - Universidad de Buenos Aires (2000) e mestrado em Antropologia pela Universidade Federal Fluminense (2006). É pesquisadora do Núcleo Fluminense de Estudos e Pesquisas (UFF) e do Equipo de Antropologia Política e Jurídica (UBA). Tem experiência na área de Antropologia, com ênfase em Antropologia do Direito, atuando principalmente nos seguintes temas: polícia, justiça, produção da verdade, administração de conflitos, moralidades. Pesquisadora associada do INCT-Instituto de Estudos Comparados em Administração Institucional de Conflitos, com sede no NEPEAC/UFF. Atualmente, é coordenadora da Comissão de Direitos Humanos da Associação Brasileira de Antropologia.

2006 - 2010
Doutorado em Antropologia (Conceito CAPES 5)
Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil. 
Título: "O bairro fala": conflitos, moralidades e justiça no conurbano bonaerense, Ano de obtenção: 2010. 
Orientador: Roberto Kant de Lima. 
Bolsista do(a): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ, FAPERJ, Brasil. 
Palavras-chave: polícia, justiça, administração de conflitos, antr.
Grande área: Ciências Humanas
 
2004 - 2006
Mestrado em Antropologia (Conceito CAPES 5)
Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil. 
Título: Quando o peixe morre pela boca. Os casos de polícia na Justiça Federal Argentina da Cidade de Buenos Aires,Ano de Obtenção: 2006.
Orientador: Roberto Kant de Lima.
Bolsista do(a): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ, FAPERJ, Brasil. 
Palavras-chave: polícia, justiça, administração de conflitos, prod.
Grande área: Ciências Humanas
Setores de atividade: Administração Pública, Defesa e Seguridade Social.
 
1995 - 2000
Graduação em Bacharel Em Ciências Antropológicas. 
Universidad de Buenos Aires, UBA, Argentina. 
Título: La Policia al Servicio de la Comunidad": viejas prácticas y nuevas políticas. 
Orientador: Sofia Tiscornia. 
Bolsista do(a): Universidad de Buenos Aires, UBA, Argentina.

 

Pós-doutorado:

2013 - 2014
Pós-Doutorado. 
Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil. 
Bolsista do(a): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ, FAPERJ, Brasil. 
Grande área: Ciências Humanas
 
2010 - 2013
Pós-Doutorado. 
Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil. 
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil. 
Grande área: Ciências Humanas

Formação Complementar:

2002 - 2002
Lo publico y lo político en tiempos de organizacio. (Carga horária: 36h). 
Universidad de Buenos Aires, UBA, Argentina.
 
2002 - 2002
La historia de vida. un acercamiento antropologico. (Carga horária: 32h). 
Universidad de Buenos Aires, UBA, Argentina.
 
2001 - 2001
El derecho a no nacer.. (Carga horária: 30h). 
Universidad de Buenos Aires, UBA, Argentina.
 
2000 - 2000
Los cuerpos de la etnografia. Sujetos, lugares y p'. (Carga horária: 36h). 
Universidad de Buenos Aires, UBA, Argentina.
 
1999 - 1999
Extensão universitária em Las raices medievales de los derechos humanos. (Carga horária: 30h). 
Universidad de Buenos Aires, UBA, Argentina.
 
1999 - 1999
Cambio de los sistemas de control social. (Carga horária: 16h). 
Universidad de Buenos Aires, UBA, Argentina.
 
1999 - 1999
Etnohistoria como dinamica de situaciones hegemoni. (Carga horária: 33h). 
Universidad de Buenos Aires, UBA, Argentina.

Artigos 1

Artigo
Moralidades, Justiça e Conflitos

Amizades

Este usuário não tem nenhuma amizade atual.
-
-