O INCT-InEAC foi aprovado em fevereiro de 2009, pelo Ministério de...

Intolerância ou desrespeito? (In) visibilidade de conflitos religiosos e estratégias de mobilização

Promovido pelo INCT InEAC, FAPERJ, e CNPQ acontece nessa segunda, dia 11 de dezembro, de 2017 , o seminário "Intolerância ou desrespeito? (In) visibilidade de conflitos religiosos e estratégias de mobilização". A atividade começa às 13:30 h e na abertura terá o espetáculo Adupe com coreografia de Vanessa Alves . O seminário acontecerá no bloco "O" do Campus do Gragoatá da UFF, em Niterói RJ. Confira a programação completa no Cartaz do Evento.

DEBATE REUNE PESQUISADORES DO INEAC E COMANDANTES DE BATALHÕES DE NITERÓI E SÃO GONÇALO

As professoras Luciane Patrício e Jacqueline Muniz , ambas professoras do Instituto de Segurança Pública da Universidade Federal Fluminense (UFF) e pesquisadoras  vinculados ao INCT InEAC; e comandantes dos Batalhões da PM de Niterói e São Gonçalo participaram nessa quinta feira, dia 7 de dezemdro de 2017, de um debate promovido pelo Jornal o São Gonçalo. O Debate marcou a estréia do programa  AGORA NOTÍCIAS da TV OSG.

Confira no link a reportagm do Jornal o São Gonçalo  sobre o debate.

http://www.osaogoncalo.com.br/seguranca-publica/39671/violencia-urbana-t...

MACONHEIROS, FUMONS E GROWERS

O antropólogo Marcos Veríssimo lança, no próximo dia 16 de dezembro, de 2017, o seu livro MACONHEIROS, FUMONS E GROWERS, que está sendo lançado pela editora autografia e faz parte da coleção Conflitos, Direitos e Sociedade do INCT InEAC. O livro é um estudo comparativo do consumo e cultivo caseiro da Canabis no Rio de Janeiro e em Buenos Ayres . Marcos veríssimo é pesquisador vinculado ao INCT InEAC e Doutor pelo Programa de Pós Graduação em Antropologia Universidade Federal Fluminense, além de Mestre em Antropologia pelo mesmo programa. Especialista em Políticas Públicas de Justiça Criminal e Segurança Pública pela Universidade Federal Fluminense. Graduado em Ciências Sociais (bacharelado e licenciatura) pela Universidade Federal Fluminense. Suas áreas de interesse perpassam conflitos relacionados às "drogas" (lícitas e ilícitas) e seus usos, mercados, produção e repressão; antropologia visual; e estudos de manifestações artísticas e culturais construídas por grupos sociais mais ou menos definidos.

DIFUSÃO CIENTÍFICA NA REDE

Transmitindo o seminário ao vivo, integralmente, pela pagina do Ineac no Facebook - https://www.facebook.com/inctineac/ - , o Instituto de Estudos comparados em Administração de Conflitos expande os horizontes do debate e amplia a participação de pesquisadores e interlocutores de todo o mundo. O alcance das publicações foi surpreendente, atingindo mais de 60 mil pessoas, o que afirma a relevância do tema e a importância desse esforço em compartilhar conteúdos e promover interação pela internet.

O trabalho da equipe de comunicação do InEAc contou com o apoio de Carlos Oliveira do NAB, Alessandro do STI, Zé luis Sanz da UNITEVE e Helcio Rocha do STI . Câmeras, edição e transmissão : Claudio Salles, Carlos Gomes e Dom Igor.

Na foto estão o jornalista Claudio Salles e a antropóloga Paloma Monteiro botando a mão na massa e ajudando no trabalho de comunicação e difusão centífica, entrevistando vários pesquisadores durante o evento.

SUCESSO NA REDE E NA UFF V SEMINÁRIO INTERNACIONAL DO INEAC CHEGA AO SEU ÚLTIMO DIA

Com uma excelente presença de público no auditórios  e milhares de acessos nas transmissões feitas pelo facebook do INCT-InEAC https://www.facebook.com/inctineac/ ,  o V Seminário Internacional do InEAC chega ao seu último dia. O seminário começou no dia 27 de novembro, trazendo pesquisadores de vários estados brasileiros e diversos países e tratou temas relacionados a administração de conflitos , justiça, moralidades, mídia, direitos, periferias, prostituição, entre outros. Na parte da tarde estão acontecendo os GTs . Às 18 horas acontecerá o encerramento no auditório do NAB, no Campus da Praia Vermelha da UFF.

Páginas

A UFF nas redes sociais

Fale conosco

Rua José Clemente, 73 - 9º andar - Centro - Niterói - RJ

CEP: 24020-104

Tel: (55) 21 - 3674.7823

Acervo NEPEAC: (55) 21 - 3674.7824